Contato: (45) 99901-7480

Brasil

Passa de 700 o número de brasileiros repatriados de Israel

É o quarto voo da FAB chegou na madrugada de sábado no Rio de Janeiro

Publicado

em

Apreensão, expectativa, abraços e lágrimas de alívio. São expressões que descrevem como foi a madrugada deste sábado (14) no saguão de desembarque do aeroporto internacional Tom Jobim, no Rio de Janeiro. Parentes estavam à espera de mais um voo da Força Aérea Brasileira (FAB) com brasileiros repatriados de Israel.

A pesquisadora Priscila Grimberg foi receber a filha, Maia, de 15 anos, que passou dois meses em Tel Aviv para estudar. Ela relatou que sabia que Israel tem histórico de ser atacado por foguetes lançados de países vizinhos, mas que, agora, a situação foi diferente. “A agonia maior é quando você começa a ver coisas que são incomuns, que não são os bombardeios, mas as invasões, os sequestros e os assassinatos”.

O avião KC-30 da FAB tocou em solo brasileiro às 2h44 com 207 brasileiros que pediram ajuda ao governo brasileiro para a repatriação depois que Israel foi atacado pelo grupo extremista palestino Hamas, no último sábado (7). O Airbus A330 200 trouxe também dois cachorros e dois gatos de estimação. A filha da Priscila foi a primeira a chegar no terminal de desembarque. Assim que avistou a mãe, correu para um abraço e não segurou o choro. 

“É muito ruim estar lá e ouvir as coisas, as bombas, mas estar aqui no colo da mamãe é muito bom”, diz aliviada. Sobre como foram os últimos dias no país que declarou guerra ao Hamas, a resposta é direta: “angustiante”, diz com a voz embargada. 

A sensação de alívio da mãe se divide com a solidariedade aos povos envolvidos no conflito. “Pedindo muita luz não só para o povo judeu, Israel, mas também para o povo palestino, que sofre com isso.” 

Som amedrontador 

Thiago Giraldi, de 15 anos, chegou acompanhado pelo pai. Eles viajavam a turismo quando estourou o confronto. Os dois estavam no norte de Israel, região mais distante dos locais atacados pelo Hamas, mas que acabou virando ponto de tensão por causa da proximidade com o Líbano, país base do grupo Hezbollah, também inimigo de Israel.  

O voo de volta por uma companhia comercial estava marcado para domingo (15), mas acharam mais prudente ir para Tel Aviv e adiantar a repatriação na aeronave da FAB. Os dois moram em Guarapari, no Espírito Santo. 

“Eu me senti inseguro lá. É amedrontador quando a sirene toca. Uma sensação pela qual eu não quero que ninguém passe”, disse à Agência Brasil depois de ser recepcionado pelo avô. 

Desde que chegou ao aeroporto, o avô de Thiago esperava pela hora de dar um abraço no neto. “O susto foi muito grande. Torcer agora para que outros avós consigam o mesmo que eu estou, dar aquele abraço, aquele beijo, sair daqui e dormir em paz”, disse o engenheiro José Lúcio Geraldi. 

O ataque do Hamas e a retaliação israelense, que deixaram milhares de mortos, também alteraram as férias do administrador de sistemas Rafael Borsani. Ele chegara em uma cidade pouco ao norte de Tel Aviv quando, dois dias depois, aconteceram os primeiros ataques.  

A volta ao Brasil estava marcada para o dia 21, mas teve que ser antecipada em uma semana. “É bem tenso, você fica apreensivo, querendo saber se vai escalar, se vai resolver. Uma experiência ruim”, lamenta. “Mas deu tudo certo”, se consola ao se referir à repatriação.      

Operação Voltando em Paz 

O avião que desembarcou na madrugada no Rio de Janeiro foi o quarto da Operação Voltando em Paz, do governo federal. Por enquanto são 701 brasileiros repatriados em voos da FAB desde quarta-feira (11), quando chegaram os primeiros 211 resgatados. No dia seguinte, aterrissaram mais 214. Na sexta-feira, 69 passageiros desembarcaram em território brasileiro. Os voos de Israel para o Brasil duram cerca de 14 horas. 

Neste sábado, está prevista a decolagem de mais um voo KC-30 da FAB de Tel Aviv em direção ao Brasil. A chegada deve ser por volta das 2h30 de domingo (15). Possíveis novos voos de repatriação saindo de Israel estão sendo avaliados, segundo o Ministério de Relações Exteriores (MRE). 

De acordo com o MRE, 14 mil brasileiros viviam em Israel até o fim do ano passado. Os interessados em repatriação estão sendo acomodados conforme critérios de prioridade. O governo brasileiro orienta que os cidadãos que possuam passagens aéreas ou condições de adquiri-las embarquem em voos comerciais a partir do aeroporto Ben Gurion. 

Resgate em Gaza 

Na Palestina vivem 6 mil brasileiros, de acordo com o MRE. A logística para trazer de volta brasileiros que estão em Gaza é mais complicada, pelo fato de a região estar sendo alvo de ataques israelenses e por envolver o Egito, que já admitiu a entrada dos brasileiros em deslocamento.

Governo brasileiro contratou ônibus para transporte dos brasileiros neste sábado até a fronteira egípcia e aguardava a liberação pela passagem de Rafah pelo país africano.

A rota de fuga dos brasileiros confinados na região é pela passagem de Rafah, na fronteira entre a parte sul de Gaza e o Egito. O governo brasileiro contratou ônibus para transporte até a fronteira com o Egito e fez contato com o governo israelense para garantir a segurança dos brasileiros.

A aeronave VC-2 (Embraer 190) da FAB, utilizada pela Presidência da República e cedida para a Operação Voltando em Paz, pousou em Roma, na sexta-feira (13), à espera de autorização para ir ao Egito. 

Brasileiros mortos 

Há confirmação de três brasileiros mortos pelos ataques do Hamas em Israel. Karla Stelzer Mendes, de 42 anos; Bruna Valeanu, de 24 anos; e Ranani Nidejelski Glazer, de 24 anos. 

O governo brasileiro reitera total repúdio a todos os atos de violência contra a população civil.

O MRE disponibiliza os contatos da embaixada em Tel Aviv (+972 (54)8035858) e do Escritório de Representação em Ramallah, na Cisjordânia (+972 (59)2055510), para os brasileiros em situação de emergência. O plantão em Brasília pode ser contatado pelo número +55 (61) 982600610. 

Edição: Juliana Cézar Nunes

Brasil

Mega-Sena sorteia nesta quinta prêmio acumulado em R$ 40 milhões

As seis dezenas do concurso 2.736 da Mega-Sena serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço da Sorte, localizado na Avenida Paulista, nº 750, em São Paulo.

Publicado

em

Tarobá News

As seis dezenas do concurso 2.736 da Mega-Sena serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço da Sorte, localizado na Avenida Paulista, nº 750, em São Paulo.

O sorteio terá a transmissão ao vivo pelo canal da Caixa no YouTube e no Facebook das Loterias Caixa. O prêmio da faixa principal está acumulado em R$ 40 milhões.

Caso apenas um apostador acerte o prêmio e aplique o valor na poupança, receberá R$ 235 mil de rendimento no primeiro mês.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O jogo simples, com seis números marcados, custa R$ 5.

Quina de São João
As apostas para a Quina de São João, com prêmio estimado em R$ 220 milhões, estão sendo feitas, em qualquer volante da Quina, nas casas lotéricas de todo o país e pelo aplicativo Loterias Caixa e no portal Loterias Caixa. O sorteio do concurso 6.462, será realizado no dia 22 de junho.

Cada aposta simples custa R$ 2,50. Para jogar, basta marcar de cinco a 15 números dentre os 80 disponíveis no cartão. Quem quiser, também pode deixar para o sistema escolher os números, opção conhecida como Surpresinha. Ganham prêmios os acertadores de dois, três, quatro ou cinco números.

Assim como em todos os concursos especiais das Loterias Caixa, a Quina de São João não acumula. Se não houver ganhadores na faixa principal, com acerto de cinco números, o prêmio será dividido entre os acertadores da 2ª faixa (quatro números) e assim por diante, conforme as regras da modalidade.

Caso apenas um apostador leve o prêmio da Quina de São João e aplique todo o valor na poupança, receberá mais de R$ 1,2 milhão de rendimento no primeiro mês.

A pessoa também tem a opção de realizar apostas em grupo com o Bolão Caixa. Os apostadores da Quina podem preencher o campo próprio no volante ou comprar uma cota dos bolões organizados pelas unidades lotéricas.

A novidade é que agora as cotas de bolão organizadas pelas lotéricas também podem ser adquiridas no portal Loterias Online com tarifa de 35% do valor da cota.

Por: Tarobá News

Continue lendo

Brasil

Mega-Sena sorteia nesta terça-feira prêmio de R$ 35 milhões

As seis dezenas do concurso 2.735 da Mega-Sena serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço da Sorte, localizado na Avenida Paulista, nº 750, em São Paulo.

Publicado

em

Agência Brasil

As seis dezenas do concurso 2.735 da Mega-Sena serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço da Sorte, localizado na Avenida Paulista, nº 750, em São Paulo.

O sorteio terá a transmissão ao vivo pelo canal da Caixa no YouTube e no Facebook das Loterias Caixa. O prêmio da faixa principal está estimado em R$ 35 milhões.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O jogo simples, com seis números marcados, custa R$ 5.

Quina de São João
As apostas para a Quina de São João, com prêmio estimado em R$ 220 milhões, já estão sendo feitas, em volante específico, nas casas lotéricas de todo o país e pelo aplicativo Loterias Caixa e no portal Loterias Caixa. O sorteio do concurso 6.462, será realizado no dia 22 de junho.

Cada aposta simples custa R$ 2,50. Para jogar, basta marcar de cinco a 15 números dentre os 80 disponíveis no cartão. Quem quiser, também pode deixar para o sistema escolher os números, opção conhecida como Surpresinha. Ganham prêmios os acertadores de dois, três, quatro ou cinco números.

Assim como em todos os concursos especiais das Loterias Caixa, a Quina de São João não acumula. Se não houver ganhadores na faixa principal, com acerto de cinco números, o prêmio será dividido entre os acertadores da 2ª faixa (quatro números) e assim por diante, conforme as regras da modalidade.

Caso apenas um apostador leve o prêmio da Quina de São João e aplique todo o valor na poupança, receberá mais de R$ 1,2 milhão de rendimento no primeiro mês.

A pessoa também tem a opção de realizar apostas em grupo com o Bolão Caixa. Os apostadores da Quina podem preencher o campo próprio no volante ou comprar uma cota dos bolões organizados pelas unidades lotéricas.

A novidade é que agora as cotas de bolão organizadas pelas lotéricas também podem ser adquiridas no portal Loterias Online com tarifa de 35% do valor da cota.

Por: Tarobá News

Continue lendo

Brasil

Bolão do Paraná leva sozinho prêmio de R$ 114 milhões da Mega Sena

Uma aposta da cidade de Ponta Grossa, no Paraná, levou sozinha o prêmio de R$ 114 milhões da Mega Sena, realizado neste sábado (8). Os números sorteados foram: 21 – 27 – 35 – 48 – 59 – 60.

Publicado

em

Agência Brasil

Uma aposta da cidade de Ponta Grossa, no Paraná, levou sozinha o prêmio de R$ 114 milhões da Mega Sena, realizado neste sábado (8). Os números sorteados foram: 21 – 27 – 35 – 48 – 59 – 60.

A aposta realizada foi feita no modelo de bolão, com 10 cotas. Foram nove números apostados, sendo que os seis sorteados estavam contemplados na aposta.

O jogo foi feito presencialmente no estabelecimento nomeado “Loterias Princesa Dos Campos”.

QUINA E QUADRA
Entre os que acertaram a Quina, foram 137 apostas ganhadoras, cada uma delas levando para casa R$ 49.467,16. Já entre os apostadores que acertaram a Quadra, foram 7811 apostas ganhadoras, cada uma delas levando para casa R$ 1.239,46.

Por: Catve

Continue lendo

Brasil

Inscrições para o Enem 2024 terminam nesta sexta-feira (7)

Terminam nesta sexta-feira (7), às 23h59 (horário de Brasília), as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024. Para os moradores do Rio Grande do Sul (RS), um novo calendário será divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por causa da calamidade pública causada por enchentes e temporais.

Publicado

em

Agência Brasil

Terminam nesta sexta-feira (7), às 23h59 (horário de Brasília), as inscrições para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2024. Para os moradores do Rio Grande do Sul (RS), um novo calendário será divulgado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), por causa da calamidade pública causada por enchentes e temporais.

A solicitação de atendimento especializado ou tratamento por nome social também só poderá ser feita até o fim do prazo de inscrição. As provas serão aplicadas nos dias 3 e 10 de novembro

A taxa de inscrição, no valor de R$ 85, poderá ser paga até o dia 12 de junho pelos estudantes não isentos. O pagamento pode ser feito por PIX, cartão de crédito, débito, em conta corrente ou poupança e por boleto, emitido na Página do Participante, onde também consta o QR Code. Os moradores do Rio Grande do Sul também terão isenção desse valor.

De acordo com o Inep, mesmo com condições especiais, os estudantes do Rio Grande do Sul poderão se inscrever no período regular normalmente.

Por: Agência Brasil

Continue lendo

Brasil

Mulher que atacou jovem com soda cáustica é denunciada por tentativa de homicídio

A criminosa que jogou soda cáustica contra a jovem Isabelly Aparecida Ferreira Moro, de 23 anos, ex-namorada de seu companheiro, foi denunciada por tentativa de homicídio.

Publicado

em

Reprodução

A criminosa que jogou soda cáustica contra a jovem Isabelly Aparecida Ferreira Moro, de 23 anos, ex-namorada de seu companheiro, foi denunciada por tentativa de homicídio.

O crime aconteceu em Jacarezinho em plena via pública, no dia 22 de maio.

A denúncia, apresentada por meio da 1ª Promotoria de Justiça da comarca, aponta as qualificadoras de uso de recurso que dificultou a defesa da vítima, motivo fútil (ciúmes), emprego de meio cruel e feminicídio (crime praticado conta mulher por razões da condição do sexo feminino).

Além da condenação por homicídio tentado qualificado, o MPPR requer que seja fixada quantia para reparação dos danos materiais, morais e estéticos sofridos pela vítima. A denunciada está atualmente presa preventivamente na Cadeia Pública de Santo Antônio da Platina.

Mistura de soda cáustica com água

A suspeita relatou que a substância utilizada era uma mistura de soda cáustica com água. Ela trazia consigo uma calça, que teria sido utilizada no momento do crime, e um celular. Isabelly está internada por ter o rosto, a região do peito e a boca queimados.

A infratora informou que jogou a peruca utilizada durante a prática do delito em meio ao matagal. Os policiais realizaram buscas, porém não conseguiram encontrar o item.

A mulher foi detida e encaminhada para a delegacia de polícia de Jacarezinho.

Autora do ataque usava peruca como disfarce

A Polícia Civil divulgou as imagens que mostram que a suspeita usava uma peruca loira para evitar ser reconhecida, clique aqui e assista.

Segundo o Portal da Cidade Jacarezinho, a vítima ingeriu parte do ácido e foi encaminhada por um morador ao pronto socorro municipal.

Câmeras mostram o atentado

As imagens das câmeras de monitoramento mostram o momento em que a vítima debate-se sobre o chão e é ajudada por moradores.

Após ser atingida, a jovem correu e pediu ajuda para populares. A funcionária de um bar localizado nas proximidades encontrou uma sacola preta e um copo molhados em via pública, itens que podem ter sido utilizados pela criminosa.

A Polícia Militar apreendeu a sacola e o copo, objetos encaminhados à delegacia da Polícia Civil. Em nota, a Polícia Civil disse que testemunhas estão sendo ouvidas e imagens analisadas.

Por: Catve

Continue lendo

Brasil

Sem ganhador, Mega-Sena acumula e vai a R$ 112 milhões

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.733 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite desta quinta-feira (6), no Espaço da Sorte, em São Paulo.

Publicado

em

Agência Brasil

Nenhum apostador acertou as seis dezenas do concurso 2.733 da Mega-Sena. O sorteio foi realizado na noite desta quinta-feira (6), no Espaço da Sorte, em São Paulo.

O prêmio principal acumulou em R$ 112 milhões para o próximo sorteio, que será realizado no sábado (8).

Os números sorteados foram: 14 – 20 – 21 – 39 – 44 – 56.

A quina teve 117 apostas ganhadoras; cada uma vai receber R$ 47.166,50. A quadra registrou 7.450 apostas vencedoras; cada acertador vai receber um prêmio de R$ R$ 1.058,19.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet. O jogo simples, com seis dezenas marcadas, custa R$ 5.

Por: Agência Brasil

Continue lendo

Acidente

Carreta desgovernada atinge viatura da PRF e tira vida de policial

Um policial rodoviário federal que atuou na cidade de Cascavel morreu após ser atropelado por uma carreta, na última segunda-feira, na BR 365. O acidente aconteceu na cidade Indianópolis, em Minas Gerais.

Publicado

em

Reprodução

Um policial rodoviário federal que atuou na cidade de Cascavel morreu após ser atropelado por uma carreta, na última segunda-feira, na BR 365. O acidente aconteceu na cidade Indianópolis, em Minas Gerais.

O policial João Vitor de Resende Alvarenga e outro colega realizavam fiscalização às margens da rodovia, quando um caminhão desgovernado atingiu os agentes e tombou sobre a viatura.

A vítima foi levada ao Hospital das Clínicas de Uberlândia, mas não resistiu aos ferimentos.

Em nota oficial, a Polícia Rodoviária Federal manifestou solidariedade aos familiares de João. Segundo a corporação, o agente entrou na PRF no ano de 2012, passou pela delegacia de Cascavel e depois atuou nas cidades mineiras de Patos de Minas e Uberlândia.

Por: Catve

Continue lendo

Brasil

Mega-Sena sorteia neste sábado prêmio estimado em R$ 3 milhões

As seis dezenas do concurso 2.718 da Mega-Sena serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília)

Publicado

em

Ilustrativa

As seis dezenas do concurso 2.718 da Mega-Sena serão sorteadas, a partir das 20h (horário de Brasília), no Espaço da Sorte, localizado na Avenida Paulista, nº 750, em São Paulo.

O sorteio terá transmissão ao vivo pelo canal da Caixa no YouTube e no Facebook das Loterias Caixa. O prêmio da faixa principal está estimado em R$ 3 milhões.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) nas casas lotéricas credenciadas pela Caixa, em todo o país ou pela internet.

O jogo simples, com seis números marcados, custa R$ 5.

Continue lendo

Brasil

Mega-Sena não tem ganhadores; prêmio acumula e vai a R$ 43 milhões

A quina teve 62 apostadores e cada um vai receber R$ 48.796,35. Os 4.628 ganhadores da quadra terão o prêmio individual de R$ 933,87.

Publicado

em

Ninguém acertou as seis dezenas do concurso 2.709 da Mega-Sena, sorteadas nesse sábado (6) à noite em São Paulo. O prêmio para o próximo concurso, na terça-feira (9), será de R$ 43 milhões.

Foram sorteadas as dezenas 12 – 22 – 23 – 24 – 47 – 53

A quina teve 62 apostadores e cada um vai receber R$ 48.796,35. Os 4.628 ganhadores da quadra terão o prêmio individual de R$ 933,87.

As apostas podem ser feitas até as 19h (horário de Brasília) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país ou pela internet, no site da Caixa Econômica Federal. Para apostar pela internet, é preciso fazer um cadastro, ser maior de idade (18 anos ou mais) e preencher o número do cartão de crédito.

A aposta simples, com seis dezenas, custa R$ 5,00.

Continue lendo

Brasil

Atraso em obras de acesso empaca liberação da nova ponte entre Brasil e Paraguai; entenda

No Paraguai, 35% da construção da aduana foram entregues; faltam ponte secundária e parte de rodovia. No lado brasileiro, obras estão ainda mais atrasadas. Veja o que dizem envolvidos.

Publicado

em

A nova ponte entre Brasil e Paraguai ficou pronta em 2022. Porém, o atraso nas obras de acesso à Ponte Internacional da Integração, que liga Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, à cidade paraguaia de Presidente Franco, impede a liberação da via.

Em Presidente Franco, o Ministério de Obras Públicas afirma que a construção da aduana – local de controle e fiscalização do fluxo internacional de bens, mercadorias e veículos – chegou a 35%.

Mesmo com avanço em relação à obra da aduna no Brasil, que ainda está na fundação (veja mais abaixo), a construção no lado paraguaio também está atrasada. O prazo inicial para o término era em abril, mas foi estendido para o fim de junho.

Conforme a coordenadora do escritório de apoio aos trabalhos no Paraguai, Laura Arevalo, o atraso das obras de acesso se justifica devido a ajustes no projeto e questões climáticas.

Obra de acesso ao lado paraguaio da ponte — Foto: Marcos Landim/RPC Foz do Iguaçu

Obra de acesso ao lado paraguaio da ponte — Foto: Marcos Landim/RPC Foz do Iguaçu

A aproximadamente dois quilômetros da Ponte da Integração, os paraguaios têm outro desafio: construir uma segunda ponte, desta vez sobre o Rio Monday. É ela que vai tirar todo trânsito pesado da região e levar para uma nova rodovia que ainda está em fase de construção no país.

Os caminhões deverão usar a via para entrar na Administração Nacional de Navegação e Portos (ANPP), uma espécie de porto seco no Paraguai. A rodovia chamada de Corredor Metropolitano do Leste vai ter 32 quilômetros de extensão, em pista dupla, até a PY 02, rodovia que liga Cidade do Leste a Assunção.

Ponte vista do lado paraguaio — Foto: Marcos Landim/RPC Foz do Iguaçu

Ponte vista do lado paraguaio — Foto: Marcos Landim/RPC Foz do Iguaçu

Obras no Brasil e liberação da ponte

No Brasil, autoridades chegaram a planejar a liberação da ponte mesmo sem a aduana e a perimetral leste estarem prontas.

A perimetral fará a ligação entre a Ponte da Integração e a rodovia BR-277. O novo acesso tem o objetivo de ajudar a desviar o trânsito de cargas pesadas da área central e turística da cidade.

Em janeiro do ano passado, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) afirmou que a ponte começaria a ser usada em abril de 2023. RPC questionou a PRF sobre o porquê de o plano não ter sido colocado em prática.

A atual gestão da PRF em Foz do Iguaçu informou que a responsabilidade sobre o tráfego e a infraestrutura na ponte é do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) e que, portanto, não iria se manifestar sobre o assunto.

A Receita Federal, que também divulgou um plano para abertura da ponte, disse que os atrasos nas obras de acesso ainda impedem a liberação do trânsito. Por lá, as obras estão ainda na fase de fundação e não têm prazo para conclusão. Veja na foto a seguir.

Obra da aduna no lado brasileiro ainda está em fase de fundação — Foto: DER/PR

Obra da aduna no lado brasileiro ainda está em fase de fundação — Foto: DER/PR

De acordo com Paulo Bini, delegado da Receita Federal em Foz, o atraso nas obras brasileiras interfere nas etapas seguintes de tráfego pela via.

“É necessário todas as obras prontas – o funcionamento pleno da ponte, entrada e saída dos caminhões. […] Até hoje não tem essa possibilidade de passagem de veículos e ficou sob o estado. Não recebemos nenhuma notificação sobre a abertura imediata”, disse Bini.

No Paraguai, o Ministério de Obras Públicas, afirma que será possível liberar o trânsito pela ponte da integração mesmo sem a finalização do corredor metropolitano, que deve ficar pronto só em 2025.

Atraso nas obras preocupa setor dos transportes

Nova ponte Brasil-Paraguai  — Foto: Itaipu Binacional

Nova ponte Brasil-Paraguai — Foto: Itaipu Binacional

O presidente do Sindicato das Empresas Transportadoras Rodoviárias de Cargas Nacionais e Internacionais de Foz do Iguaçu, Celso Gallegario, afirma que, enquanto as obras não são concluídas, representantes do setor de transporte de cargas calculam os prejuízos.

“O veículo que vai adentrar ao Paraguai, ele só pode entrar à noite. Digamos que o veículo já está vazio, pronto e habilitado para adentrar ao Paraguai, e fica o dia inteiro parado numa fila, ele não vai produzir. E hoje o custo de um ativo de um veículo é alto”, explica.

Para Sérgio Luiz Malucelli, presidente da Federação das Empresas de Transporte de Cargas do Estado do Paraná (Fetranspar), a expectativa pela abertura do trecho é esperada há mais de 30 anos e não diz respeito apenas aos veículos de carga, mas também aos demais setores.

“É uma necessidade urgente. Não apenas para o transporte rodoviário de carga, mas para todos aqueles cidadãos que desejam ir ao Paraguai, ir e voltar ao Brasil’, afirmou Malucelli.

Ponte da Integração  — Foto: Itaipu Binacional

Ponte da Integração — Foto: Itaipu Binacional

A dona de casa Teodora Vilalba mora perto das obras no Paraguai. Ela contou que espera ansiosa pelo fim das obras. A avenida em frente a casa dela, conecta a ponte a área urbana de Presidente Franco e está um pouco mais adiantada, faltam cerca de 30% para a conclusão.

“Já são quase 30 anos de espera. Esperamos que melhores com mais oferta de trabalho, que tenha de tudo. Isso é o que estamos esperando”, disse a mulher em entrevista à RPC.

G1

Continue lendo

CASA DAS BATERIAS

Previsão do tempo

Facebook

Termos de uso e responsabilidade

É proibido a reprodução de todo ou qualquer parte deste site sem autorização prévia, como determina a lei nº 9.610 de 19 de fevereiro/98.
Todo conteúdo aqui exposto, visa a informação, a imparcialidade e a transparência.