Contato: (45) 99901-7480

Golpe

Homens são encaminhados para a delegacia após tentar pagar conta com pix falso

Um comprovante foi apresentado mas o valor não foi transferido.

Publicado

em

O dono de um restaurante localizado na rua Santa Catarina em Marechal Rondon acionou a Polícia Militar na madrugada de ontem(15), pois duas pessoas consumiram em seu estabelecimento e que até tentaram pagar via Pix, mas apresentaram um comprovante, e a transferência não havia entrado em sua conta.

GOSTARIA DE PARTICIPAR DO NOSSO GRUPO DE WHATSAPP? ENTÃO CLICA AQUI!!

Os policiais então solicitaram ao cliente que se possível mostrasse seu extrato bancário via aplicativo para comprovar o pagamento, ele abriu o extrato, mas não constava tal transferência, e também não possuía saldo para pagar a conta.

O policial pediu para os rapazes se eles tinham alguma outra maneira de pagar a conta, e eles disseram que não teriam como pagar essa conta.

Os rapazes então foram encaminhados para a delegacia.

Por Portal Nova Santa Rosa

Golpe

Mercedense perde mais de R$ 10 mil após tentar comprar carro anunciado no Facebook

Um homem de Mercedes foi vítima de um golpe na compra de um carro anunciado no Facebook. O caso foi registrado na quinta-feira (18).

Publicado

em

Um homem de Mercedes foi vítima de um golpe na compra de um carro anunciado no Facebook. O caso foi registrado na quinta-feira (18).

A vítima viu o anúncio de um Corsa à venda por R$ 6.500,00 e entrou em contato com o suposto proprietário via WhatsApp.

O golpista induziu a vítima a realizar diversos pagamentos via Pix, totalizando R$ 10.945,80. Ao perceber que havia sido enganado, a vítima entrou em contato com o banco e com a Polícia Militar.

A equipe policial orientou a vítima e registrou o boletim de ocorrência para investigação.

Por: Ponto da Notícia

Continue lendo

Golpe

Moradores de São José das Palmeiras perdem R$ 22.400,00 após ter contas bancárias invadidas

Uma moradora de São José das Palmeiras foi vítima de um golpe na quarta-feira (17), no qual teve R$ 22.400,00 subtraídos de sua conta e da conta de seu marido.

Publicado

em

Correio do Lago

Uma moradora de São José das Palmeiras foi vítima de um golpe na quarta-feira (17), no qual teve R$ 22.400,00 subtraídos de sua conta e da conta de seu marido. O crime aconteceu por volta das 18h, quando a vítima recebeu uma ligação em seu celular com o logotipo de um banco.

Ao atender a ligação, uma gravação disse: “Aqui é o Téu, o atendente virtual do banco. Seu aplicativo está com vírus”. Em seguida, um falso atendente assumiu a conversa, informando que havia transações fraudulentas em seu aplicativo e que ele iria cancelá-las.

Segundo a vítima, o golpista não solicitou nenhuma informação pessoal ou pediu que ela digitasse nada em seu celular. No entanto, após o falso atendente desligar, a tela do celular da vítima escureceu, simulando falta de bateria. Ao colocar o aparelho para carregar, a vítima percebeu que todo o dinheiro de suas contas, tanto a sua quanto a do seu esposo, havia sido transferido.

A vítima entrou em contato com um funcionário do banco local, que a orientou a se dirigir à agência para verificar a situação. Ao analisar as contas, foi confirmado que três transferências via PIX foram realizadas: R$ 3,9 mil, R$ 8,5 mil e R$ 10 mil.

Diante dos fatos, a Polícia Militar orientou as vítimas sobre os procedimentos legais cabíveis.

Por: Correio do Lago

Continue lendo

Golpe

‘Vovós do crime’: idosas são presas após aplicarem golpes em GO

A Polícia Civil desvendou um esquema de fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) após uma idosa de 66 anos tentar sacar um benefício com documentos falsos em Orizona, no sul de Goiás.

Publicado

em

Notícias ao Minuto

A Polícia Civil desvendou um esquema de fraudes no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) após uma idosa de 66 anos tentar sacar um benefício com documentos falsos em Orizona, no sul de Goiás. Funcionários da agência bancária suspeitaram da autenticidade dos documentos, pois anteriormente, uma idosa de 78 anos conseguiu realizar a mesma fraude em uma cidade vizinha.

As duas idosas, apelidadas de “vovós do crime”, foram presas e autuadas em flagrante por estelionato e associação criminosa. Além delas, um jovem de 25 anos e uma mulher de 40 também foram detidos. Embora a Polícia Civil tenha divulgado fotos dos envolvidos para identificar possíveis vítimas, os nomes dos suspeitos não foram revelados.

De acordo com a polícia, todos os membros do grupo residem em Trindade, mas estavam em Orizona há cerca de uma semana tentando aplicar golpes na cidade e em municípios próximos. Por isso, já eram conhecidos na agência bancária onde foram presos.

Segundo o G1, na quinta-feira, 4 de julho, a idosa de 66 anos foi até a agência bancária de Orizona e tentou sacar o benefício do INSS usando uma guia do benefício, carteira de trabalho e identidade, todos falsificados.

Os funcionários desconfiaram e chamaram a polícia, que abordou a idosa quando ela estava entrando em um carro com os outros três suspeitos. No veículo, foram encontrados diversos documentos falsos e R$ 4 mil em espécie, sendo que R$ 2 mil desse valor haviam sido sacados pouco antes pela idosa de 78 anos em uma agência de Urutaí. Os quatro foram levados para a delegacia e autuados em flagrante.

Por: Notícias ao Minuto

Continue lendo

Golpe

Mulher é vítima de golpe financeiro em Pato Bragado

Durante a sexta-feira (05), uma moradora compareceu ao Destacamento da Polícia Militar de Pato Bragado para relatar ter sido vítima de um golpe financeiro.

Publicado

em

Catve

Durante a sexta-feira (05), uma moradora compareceu ao Destacamento da Polícia Militar de Pato Bragado para relatar ter sido vítima de um golpe financeiro. Segundo seu depoimento, recebeu uma ligação de uma pessoa que se identificou como gerente de um banco conhecido, utilizando o número de telefone.

O golpista informou a vítima sobre supostas movimentações suspeitas em sua conta bancária, que ela não reconheceu. Após várias conversas de orientação, o indivíduo enviou uma chave Pix e instruiu Maria a efetuar um pagamento de R$ 3.600,00 para supostamente cancelar as transações indevidas. Após realizar o pagamento conforme orientado, o golpista não manteve mais contato.

Diante da situação, a mulher registrou um boletim de ocorrência na delegacia local e foi orientada a comunicar o ocorrido ao seu banco para as devidas providências.

Este tipo de golpe, conhecido como “golpe do falso gerente”, é infelizmente comum e exige atenção redobrada por parte dos cidadãos para evitar prejuízos financeiros. A polícia alerta para a importância de verificar cuidadosamente a identidade das pessoas com quem se está comunicando em situações financeiras suspeitas.

Por: Catve

Continue lendo

Golpe

Paranaense recebe PIX de R$ 700 por engano, devolve dinheiro, mas fica no prejuízo após banco também estornar valor

Depois de devolver o valor de R$ 700 para o homem que havia feito a transferência, o banco também estornou o dinheiro. Ou seja: quem transferiu os R$ 700 por engano, no fim das contas, recebeu R$ 1.400.

Publicado

em

O professor Luiz Cezar Lustosa Garbini, morador de Fazenda Rio Grande, na Região Metropolitana de Curitiba, está enfrentando uma série de frustrações depois que devolveu um PIX de R$ 700 que havia caído por engano na conta bancária dele.

Depois de devolver o valor de R$ 700 para o homem que havia feito a transferência, o banco também estornou o dinheiro. Ou seja: quem transferiu os R$ 700 por engano, no fim das contas, recebeu R$ 1.400.

O professor contou que o estorno foi feito pelo banco após o próprio homem que tinha realizado a transferência inicial solicitar o reembolso.Conforme Garbini, ele entrou em contato com o homem explicando a situação, mas disse que ele não quis devolver o valor.

“O valor original que eu tinha era R$ 1 mil, quando eu recebi os R$ 700 dele, eu fiquei com R$ 1.700, mas daí eu enviei o PIX para ele e eu voltei para os meus R$ 1 mil. Só que passou 15 minutos, eu entrei na minha conta e eu estava só com R$ 300 reais”, explica.

O jovem contou que, na sexta-feira (27), recebeu uma mensagem de um desconhecido que alegou ter feito uma transferência para a conta de Garbini por um descuido.

O professor explica que como usa o próprio telefone como chave PIX, o homem conseguiu contato com ele facilmente.Depois da conversa, o professor checou a conta e identificou que, de fato, estava com um valor a mais e imediatamente devolveu o dinheiro para a mesma chave que tinha enviado. Minutos depois, quando precisou acessar a conta bancária novamente, notou o prejuízo.

Ao perceber o que aconteceu, acionou novamente o homem, que debochou da situação e o bloqueou no WhatsApp.

Por G1

Continue lendo

Golpe

Estelionatário dá golpe em venda de Fiat Uno em Marechal Rondon

Na tarde de 28 de junho de 2024, a Polícia Militar de Marechal Cândido Rondon atendeu uma ocorrência de estelionato na região central da cidade.

Publicado

em

Na tarde de 28 de junho de 2024, a Polícia Militar de Marechal Cândido Rondon atendeu uma ocorrência de estelionato na região central da cidade.

O Sr. A anunciou um veículo Fiat Uno por 10 mil reais nas redes sociais e um terceiro intermediador negociou o carro por 4.500 reais com o Sr. R, sem repassar o valor ao vendedor e bloqueando ambas as partes após as transferências via Pix.

A vítima foi orientada quanto aos procedimentos cabíveis e o caso foi encaminhado à polícia judiciária.

Por: Marechal Agora

Continue lendo

Golpe

Moradora de Nova Santa Rosa cai em golpe do pix e perde R$ 4,5 mil

Uma moradora de Nova Santa Rosa foi vítima de um golpe telefônico que resultou em uma perda financeira de R$ 4,5 mil. A mulher compareceu ao Destacamento de Polícia Militar (DPM) na tarde desta quinta-feira (27), às 16h15, para registar um boletim de ocorrência.

Publicado

em

Reprodução

Uma moradora de Nova Santa Rosa foi vítima de um golpe telefônico que resultou em uma perda financeira de R$ 4,5 mil. A mulher compareceu ao Destacamento de Polícia Militar (DPM) na tarde desta quinta-feira (27), às 16h15, para registar um boletim de ocorrência.

Segundo seu relato, ela recebeu uma ligação de um número desconhecido, que a informou sobre uma suposta compra irregular realizada com seu cartão Nubank. Na tentativa de resolver a situação, a vítima foi instruída pelo golpista a realizar uma Transferência Eletrônica Disponível (TED) para uma conta do Bradesco.

Após seguir as orientações e realizar a transferência, a mulher percebeu que havia caído em um golpe. O valor transferido foi creditado em uma conta em nome da instituição Anspace, desconhecida pela vítima.

As autoridades policiais orientaram a mulher sobre os procedimentos a serem seguidos após o golpe. Eles reforçaram a importância de não fornecer dados bancários ou realizar transferências financeiras sem a devida confirmação da identidade do solicitante.

O caso foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Marechal Rondon para investigação.

Por: A Gazeta Web

Continue lendo

Golpe

Morador de Quatro Pontes tenta comprar veículo pela internet e leva golpe

Uma vítima de golpe, moradora de Quatro Pontes procurou a Polícia Militar na noite desta segunda-feira (24) e disse que estava negociando um veículo Saveiro 1.6, cor prata, no valor de R$ 18.700,00.

Publicado

em

Portal Nova Santa Rosa

Uma vítima de golpe, moradora de Quatro Pontes procurou a Polícia Militar na noite desta segunda-feira (24) e disse que estava negociando um veículo Saveiro 1.6, cor prata, no valor de R$ 18.700,00.

Segundo os relatos da vítima aos policiais, ele pagaria R$ 3.200,00 de entrada mais 31x de R$ 500,00. O suposto vendedor se identificou e as negociações aconteceram pelo aplicativo de mensagem.

Após entrarem em acordo sobre valor e condições, ficou combinado que o suposto vendedor levaria o veículo para a cidade de Quatro Pontes. Na manhã de ontem, entretanto, o suposto vendedor criou situações para solicitar dinheiro por pix (taxa de reserva domicílio, demora no sistema, problema mecânico entre outros) ao todo foram realizadas 6 transferências via pix.

O primeiro no valor de R$ 460,00, o segundo valor de R$ 800,00, um de R$ 450,00 e outro de R$ 680,00. E mais dois pix um de R$ 390,00 e outro de R$ 250,00, totalizando R$3.030,00.

Após a realização das transferências, o suposto vendedor não apareceu para entregar o veículo e a vítima não conseguiu mais contato, seja por ligação ou mesmo pelo aplicativo de mensagem e então procurou a PM para registrar o caso.

Por: Portal Nova Santa Rosa

Continue lendo

Golpe

Polícia investiga golpe em compra de medicamento de R$ 2 milhões para tratamento de criança com câncer, em Cascavel

Em meio à luta contra o neuroblastoma, um tipo de câncer extremamente agressivo, a família de Yasmin Aparecida Campos, de apenas 11 anos, enfrenta outra batalha: a de um golpe que pode ter comprometido o tratamento da menina.

Publicado

em

CGN

Em meio à luta contra o neuroblastoma, um tipo de câncer extremamente agressivo, a família de Yasmin Aparecida Campos, de apenas 11 anos, enfrenta outra batalha: a de um golpe que pode ter comprometido o tratamento da menina.

A Polícia Civil do Paraná investiga o caso e busca descobrir o paradeiro dos responsáveis por uma empresa envolvida no processo de importação do medicamento necessário para o tratamento de Yasmin.

A história começou quando a família de Yasmin entrou com um pedido judicial para obter os medicamentos para o tratamento da doença. O remédio, importado e de custo altíssimo (mais de R$ 2 milhões), seria pago pelo governo do Paraná, por determinação judicial, através de sequestro de valores. A medicação seria importada ao Brasil e fornecida à criança.

A Polícia Civil informou que os valores foram repassados à empresa importadora, mas uma terceira empresa, que estaria envolvida no processo de importação, após receber os valores, teria “sumido do mapa”. Os proprietários não estariam respondendo às tentativas de contato.

A delegada Thais Regina Zanatta, que conduz a investigação, relatou que apenas parte dos remédios foi entregue à família. Entretanto, após a denúncia, surgiu a suspeita de que a medicação entregue, que não possui selo da Anvisa, possa ser falsificada ou até mesmo um placebo, comprometendo o tratamento e a saúde de Yasmin.

“Estamos investigando desde as empresas até os advogados que ingressaram com essa ação e estavam envolvidos no caso. Todos são suspeitos nesse momento”, afirmou a delegada.

Se as alegações forem comprovadas, os investigados poderão responder pelos crimes de desvio de verba pública, estelionato e até mesmo homicídio, caso algo mais grave venha a ocorrer em decorrência da ausência da medicação.

A investigação corre em total sigilo, e a Polícia Civil está tomando as medidas cabíveis para bloquear os bens e chegar até os criminosos. A delegada Zanatta também informou que há a possibilidade de haver mais vítimas, caso outras famílias tenham recebido medicamentos falsos.

Por: CGN

Continue lendo

Golpe

Moradora de Mercedes perde R$ 10,5 mil em golpe ao comprar carro

Uma mulher procurou a Polícia Militar de Mercedes na tarde de terça-feira (04) para registrar um caso de estelionato. Ela perdeu R$ 10,5 mil no golpe.

Publicado

em

Ponto da Notícia

Uma mulher procurou a Polícia Militar de Mercedes na tarde de terça-feira (04) para registrar um caso de estelionato. Ela perdeu R$ 10,5 mil no golpe.

Conforme os relatos da mulher aos policiais, ela estava negociando a compra de um carro VW/Gol na cidade de Curitiba e toda negociação acontecia via WhatsApp.

Após as negociações, na segunda-feira (03), a vítima efetuou quatro pagamentos de R$ 2 mil, totalizando R$ 8 mil. Ontem, o suposto vendedor solicitou mais R$ 2,5 mil, que seriam referentes a impostos, valor o qual foi enviado pela vítima ao estelionatário.

Depois deste pagamento, o indivíduo solicitou a mercedense mais um pagamento, no valor de R$ 1,5 mil, que seria referente a taxas administrativas. A moradora de Mercedes não fez o novo pagamento e desconfiou da situação, uma vez que o valor depositado já teria passado do valor inicial que era o veículo.

O suposto vendedor se recusou a devolver o dinheiro já pago e a mulher procurou a Polícia para registrar o caso.

Por: Ponto da Notícia

Continue lendo

CASA DAS BATERIAS

Previsão do tempo

Facebook

Termos de uso e responsabilidade

É proibido a reprodução de todo ou qualquer parte deste site sem autorização prévia, como determina a lei nº 9.610 de 19 de fevereiro/98.
Todo conteúdo aqui exposto, visa a informação, a imparcialidade e a transparência.